Maffalda mudou de casa! Redirecionando...

Se você não for redirecionado automaticamente, visite http://maffalda.net e atualize seus favoritos.

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2009

Eu sou apenas uma mulher

O que é assunto de mulher, o que é assunto de homem?
O que é assunto de mãe, o que é assunto das outras?
Criança tem que falar com adulto?
Sexo, beleza, moda, culinária, maternidade, saúde, feminismo são futilidades ou coisa séria?
Dá pra pensar a vida grande a partir das coisas pequenas e cotidianas?
Quem-pariu-mateus-que-embale ou precisa-um-povoado-pra-criar-um-filho?
Só pode falar de fralda quem lava as sujinhas de xixi e cocô?
Ah, e podem-se compartilhar as escatologias e dores, ou só se falam de flores?
Existe vocação pra tia?
Aquele lance de ecofeminismo já saiu de moda?
Por que a gente tem tanto medo da energia feminina?
O que é que a gente tem pra esconder dos olhares masculinos? O pior? O melhor?
O espelho de Vênus tá servindo pra reflexão?

Alguém me traz um cosmopolitan que eu preciso pensar.

chocando ideias(Chocando idéias.)

5 comentários:

febox disse...

Aquilo é um pinto escondido? ;)

Bem legal, tão feminino que estou tímido de estar aqui. E o cosmopolitan deu um toque final bem equivalente com a reflexão. Parabéns.

Maffalda disse...

Uns têm peixinho na perninha, outros têm pintinho no peitinho. Sem segundas interpretações, por favor. :)

Mas então: a discussão do feminino é só nossa ou é de todo mundo?

Cada vez mais perguntas...

Ana Cláudia Bessa disse...

Adorei suas elocubrações...é assim que se escreve? rs

Maffalda disse...

Ana Cláudia, enfim uma pergunta com resposta!

Bom, mais ou menos.

Eu tinha toda a certeza de que a sua grafia estava correta, mas fui procurar num dicionário e dizia "elucubrar". Era um dicionário lusitano, então ainda estou desconfiada.

Vai saber. Em todo caso, as minhas são helocubrações. Ha!

laura disse...

Existe vocação pra tia?
sim. pelo menos eu acho.